Eu sou blindado

Eu sou blindado pelo sangue do cordeiro E nem o inferno inteiro reunido Tem poder contra mim Eu sou invisível na guerra Flecha na aljava de Deus E o inimigo se levanta contra mim E eu venço tudo Tudo, tudo, tudo, tudo Só na vigilância, soldado na posição Guerra é guerra, amigo Joelho firme no chão O inimigo foge, não aguenta a pressão Por sete caminhos ele pode escolher.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...